top of page

ABD - Aprendizagem Baseada em Dilemas

Dilema Resumido:

#030 – A Fé em Jogo

Silas, um ex vendedor que nunca encontrou estabilidade, abriu um templo religioso para se aposentar aos 40 anos. Sua esposa, profundamente religiosa, conhece suas verdadeiras intenções e sente vergonha, recusando-se a frequentar o templo. O pastor do templo que ela frequenta está perdendo fiéis para Silas e a pressiona a denunciá-lo. A situação se complica quando ela descobre que uma jovem mãe solteira está doando quase todo o seu salário ao templo de Silas, esperando uma bênção financeira prometida por ele. A esposa de Silas sabe que, se denunciá-lo, poderá salvar essa jovem e outros fiéis de uma possível ruína financeira, mas teme as consequências pessoais e sociais, incluindo a destruição de seu casamento e a vergonha pública.
Chave do Dilema: Denunciar Silas aos fiéis e salvar a comunidade ou manter o silêncio e preservar seu casamento?

Dilema Completo:

#030 – A Fé em Jogo

Silas, um homem que passou a vida vendendo de tudo, desde consórcios até alimentos, nunca encontrou estabilidade em seus empregos. Aos 30 anos, cansado de esperar para alcançar suas metas financeiras, decidiu estudar como pastores conseguem ganhar dinheiro apenas falando. Após cinco anos de estudo e com o dinheiro de seu último emprego, abriu um templo religioso com o objetivo de se aposentar aos 40 anos. Sua esposa, uma mulher profundamente religiosas, conhece as verdadeiras intenções de Silas e sente vergonha do que ele está fazendo, tanto que se recusa a frequentar o templo do próprio marido.

 

Enquanto isso, o pastor do templo que a esposa de Silas frequenta está perdendo muitos fiéis para Silas e, incomodado com a situação, pressiona a mulher a denunciá-lo aos fiéis. Ele argumenta que a comunidade está sendo enganada e que é seu dever moral expor a verdade. A esposa de Silas se encontra em um dilema profundo: deve expor a verdadeira intenção de seu marido e destruir sua reputação, ou manter o silêncio e permitir que ele continue enganando a comunidade para alcançar suas metas financeiras?


A situação se complica ainda mais quando a esposa de Silas descobre que uma jovem mãe solteira, que frequenta o templo de Silas, está doando quase todo o seu salário na esperança de uma bênção financeira prometida por ele. A mulher sabe que, se denunciar Silas, poderá salvar essa jovem e outros fiéis de uma possível ruína financeira. No entanto, ela também teme as consequências pessoais e sociais de expor seu marido, incluindo a destruição de seu casamento e a vergonha pública.

 

Chave do Dilema: Denunciar Silas aos fiéis e salvar a comunidade ou manter o silêncio e preservar seu casamento?

Comentários:

O dilema enfrentado pela esposa de Silas, que deve decidir entre denunciar seu marido e salvar a comunidade ou manter o silêncio e preservar seu casamento, é um exemplo claro das tensões entre ética e moral no contexto religioso e familiar. Para analisar este dilema, recorremos à filosofia de Immanuel Kant, que enfatiza a ética deontológica e a importância do dever moral.

 

Teoria Deontológica de Immanuel Kant

Imperativo Categórico: Kant argumenta que as ações devem ser guiadas por princípios universais que possam ser aplicados a todos. No caso da esposa de Silas, ela deve considerar se a ação de denunciar seu marido pode ser universalizada como um dever moral. Se a ação de expor a verdade e proteger a comunidade de um engano financeiro é um princípio que pode ser aplicado universalmente, então, segundo Kant, ela tem o dever moral de agir dessa forma, independentemente das consequências pessoais.


Dever Moral: Para Kant, o dever moral é absoluto e não deve ser comprometido por considerações de consequências. A esposa de Silas deve ponderar se seu dever moral de proteger a comunidade e a jovem mãe solteira de uma possível ruína financeira é mais importante do que as consequências pessoais e sociais de expor seu marido. Segundo a ética kantiana, o dever moral de agir de acordo com princípios universais de honestidade e justiça deve prevalecer sobre os interesses pessoais.


Autonomia e Respeito: Kant também enfatiza a importância da autonomia e do respeito pelos outros como seres racionais. A esposa de Silas deve considerar se manter o silêncio respeita a autonomia e a dignidade dos fiéis que estão sendo enganados. Ao denunciar Silas, ela estaria tratando os fiéis com respeito, reconhecendo sua capacidade de tomar decisões informadas e racionais sobre suas próprias vidas e finanças.

 

Respondendo às Questões:

1. Como a teoria deontológica de Immanuel Kant orienta a decisão da esposa de Silas sobre denunciar seu marido ou manter o silêncio?
A teoria deontológica de Immanuel Kant orienta a esposa de Silas a considerar se a ação de denunciar seu marido pode ser universalizada como um dever moral. Se a ação de expor a verdade e proteger a comunidade de um engano financeiro é um princípio que pode ser aplicado universalmente, então, segundo Kant, ela tem o dever moral de agir dessa forma, independentemente das consequências pessoais. O dever moral de agir de acordo com princípios universais de honestidade e justiça deve prevalecer sobre os interesses pessoais.


2. De que maneira o conceito de dever moral de Kant se aplica ao dilema da esposa de Silas?
O conceito de dever moral de Kant se aplica ao dilema da esposa de Silas na medida em que ela deve ponderar se seu dever moral de proteger a comunidade e a jovem mãe solteira de uma possível ruína financeira é mais importante do que as consequências pessoais e sociais de expor seu marido. Segundo a ética kantiana, o dever moral de agir de acordo com princípios universais de honestidade e justiça deve prevalecer sobre os interesses pessoais. A esposa de Silas deve agir de acordo com seu dever moral, independentemente das consequências.


3. Qual é o impacto da decisão da esposa de Silas sobre a autonomia e o respeito pelos fiéis, segundo a filosofia de Kant?
Segundo a filosofia de Kant, a decisão da esposa de Silas deve ser avaliada em termos de sua contribuição para a autonomia e o respeito pelos fiéis. Ao denunciar Silas, ela estaria tratando os fiéis com respeito, reconhecendo sua capacidade de tomar decisões informadas e racionais sobre suas próprias vidas e finanças. Manter o silêncio, por outro lado, pode ser visto como uma forma de desrespeito à autonomia dos fiéis, permitindo que eles continuem sendo enganados. A esposa de Silas deve considerar se sua ação respeita a dignidade e a autonomia dos fiéis.

 

Referências Bibliográficas:

  • Kant, Immanuel. "Groundwork of the Metaphysics of Morals". Cambridge University Press, 1998.

  • Kant, Immanuel. "Critique of Practical Reason". Cambridge University Press, 1997.

  • Wood, Allen W. "Kantian Ethics". Cambridge University Press, 2008.


A análise deste dilema sob a perspectiva da teoria deontológica de Immanuel Kant destaca a importância do dever moral e dos princípios universais na tomada de decisões éticas. Ela nos lembra que devemos agir de acordo com nosso dever moral, independentemente das consequências pessoais, e que devemos respeitar a autonomia e a dignidade dos outros como seres racionais. A esposa de Silas deve considerar se a ação de denunciar seu marido pode ser universalizada como um dever moral e se sua ação respeita a autonomia e a dignidade dos fiéis.

bottom of page